Seja bem vindo ao Cantinho da Ka Bjxs

Aqui você vai encontrar o melhor conto.

Aqui sua imaginação vai além de tudo

Karina contos eroticos.

Karina

Karina contos eroticos.

Karina

Karina contos eroticos.

Karina

Karina contos eroticos.

FETICHE DIFERENTE


Olá gente ...saudades de todos ... bora pra mais uma historinha deliciosa ...  espero que gostem ... eu e meu ex noivo quando começamos à ir nas casas de swing ... íamos apenas para observar ... e daí partiu a vontade de também sermos observados ... e começamos a ter muito prazer em sermos vistos ... em uma visita a uma casa de swing fomos na área da pista de dança ... onde fica um poly dance ... eu estava com vestidinho branco e calcinha branca ... uma sandália bem alta ... pois ele é bem alto ... o surpreendi quando subi no palco onde ficava o poly dance e comecei à dançar deliciosamente pra ele ... o olhava nos olhos ... com uma carinha de safadinha ... que dizia tudo o que eu queria ... rola ... ele ficou me olhando ... totalmente amadora num poly dance ... kkkk ... mas estava me divertindo ... empinava o bumbum para que ele visse minha calcinha toda enfiadinha ... e pequenininha e já estava toda molhadinha  ... com todo aquele momento maravilhoso ... começou a entrar algumas pessoas na pista mas eu não parei ... continuei ... ele não resistiu estava com o pau tão duro que o colocou pra fora ... me deixando alucinada de tesão e vontade de possuir aquela rola gostosa ... mas continuei ... rebolava ... rodava ... o olhava pra ele com uma cara de putinha safadinha ... implorando rola ... ele tocava o pauzão dele ... sem tirar os olhos de mim ... eu me aproximei dele .... fui bem na beira do palco ... afastei minha calcinha de ladinho e esfreguei minha bucetinha na cara dele ... ele deu aquela cheirada e passou a língua bem devagarzinho ... sentindo ela toda molhadinha e excitada ... voltei ao poly dance ... dei mais uma volta e fiquei de frente pra ele ... e fui descendo minha calcinha dando umas reboladinhas bem provocantes ... amarrei minha calcinha na minha mão para não perder ... foca aí dica rs já voltei sem calcinha pra  casa rs ... e me virei dei uma empinada bem gostosa e coloquei o dedinho na minha bucetinha que derretia de tanta vontade de meter ... fui com o dedinho até o cuzinho coloquei o dedinho nele ... e voltei ... tinha um rapaz me observando que pediu para que eu desse meu dedinho pra ele chupar ... eu dei ... ele passou a língua bem devagar no meu dedinho com gostinho da minha buceta e do meu cuzinho ... eu voltei meus olhos para o meu homem ele estava louco de tesão ... batia seu pau sem pressa ... me apreciando ... me olhando e me chamou com o dedinho ...com aquele olhar ... vem vou te da rola sua safada ... bem assim ... era o que o olhar dele dizia ... me pegou no colo me desceu do palco  me beijou tão gostoso ... aquele beijo de tirar o folego ... de tanto tesão e vontade ... nossas respirações estavam alteradas ... peguei no no pau dele e senti acabcinha toda babadinha ... aquelas pessoas nos olhando ... esperando o próximo passo rs ... outros se tocando enquanto nos via ... então ele me deitou no palco ... de pernas abertas ... e começou a me comer com força ... com vontade ... ele suava ... eu gemia ... pedia mais ... como aquilo era bom ... então derrepente o moço que tinha chupado o meu dedinho se aproximou ... tocou nele e falou algo no ouvido ... fiquei curiosa ... então ele se aproximou de mim ... e me disse que o rapaz tinha pedido pra lamber minha bucetinha depois que ele gozasse nela ... eu pensei por um instante ... e disse que sim ... ele concordou ... esse é o segredo para os casais que vão em casas assim ... concordar primeiro ... para não ter  impasses depois ... e ele balançou a cabeça para o rapaz como resposta ... que sim ... tinha nossa permissão ... aquilo começou a me dar mais tesão ... estava louquinha e a minha bucetinha derretia ... ensopada ... ele não aguentou mais segurar e jorrou na minha bucetinha ... me puchando pra ele ... colocando a porra dele todinha dentro de mim ... e tirou seu pau e esfregou o restinho na minha bucetinha ... se afastou e o rapaz se aproximou .. olhou  pra ela com agua na boca  ... a vontade tava grande de tomar aquela porra que estava na minha bucetinha ... e começou a me chupar ... sugando com muito gosto tudo que conseguira ... ele não conseguiu chupar meu clitoris pois é pequenininho ... e com o tesão que ele tava não dava tempo procurar rs ... então ele ia bem no buraquinho dela e sugava ... enfiava a linguinha ... pra sentir todo o gostinho ... olhei pro meu ex noivo e ele estava gostando de ver aquela cena ... continuava tocando o pauzão dele mesmo depois de já ter gozado ... que língua era aquela ... que boca ... que talento ... eu olhei ao redor novamente e tinha tanta gente que não conseguia contar ... estava uma delicia ... então ele continuou a me chupar mas começou a se punhetar ... e não precisou muito para que ele gozasse ... senti ele dando uma sugada bem forte nela ... e notei que era o extase na hora da saída da sua porra  ... se levantou me olhou e agradeceu ... olhou para ele tbm agradeceu ... e saiu eu fui com o dedinho na minha bucetinha estava limpinha ... ele tinha tomado toda a porra que estava nela e não era pouca ... ele se aproximou ... eu me sentei dei uma chupada no pau dele .. ainda estava duro ... que loucura aquilo ... que delicia ... ele guardou o pau eu abaixei o vestido e fomos ao banheiro nos recompor ... quando saímos ... fomos a procura do rapaz para conhecer ele melhor ... mas não o achamos ... tinha ido embora ... eu fiquei curiosa com o fetiche dele ... queria saber mais ... se tinha outras vontades inclusive ... mas eu nunca mais o vi ... mas adorei ... foi diferente ... delicioso e excitante ... inexplicável ... fetiche diferente ... e a noite não acabou por aí ... teve muito mais ...
Bjux carinhosos ...

UMA PAIXÃO INUSITADA


Olá ... pensei centenas de vezes se publicaria esse conto então resolvi  que estava na hora isso aconteceu comigo há muito tempo eu era muito novinha e sabia nada da vida ... isso mexeu de um jeito comigo que tenho vergonha de contar ... mas enfim superei então borá lá ...
No meu trabalho que aliás é o mesmo até hj conheci uma pessoa  o César ... eu fazia checkin naquele tempo e ele era advogado tinha acabado de se formar e estava cuidando de uma burocracia pois o seu cliente queria transportar uns cavalos para outro estado ... eu atendi ele ... muito gentil, inteligente, bonito, ele era gago mas era o seu charme primordial ... loirinho ... confesso que me encantei e trocamos telefone ... começamos a nos conhecer tínhamos coisas em comum eu estava estudando direito naquele semestre da faculdade ... e ele me ajudou muito com trabalhos ... ele era estilo cdf  e eu sou atraída por pessoas inteligentes e de raciocínio rápido ... eu estava apaixonada ... um dia ele me convidou para ir ao shopping Tatuapé com ele ... me pegou no trabalho e de lá fomos ... eu me troquei tirei aquela formal na qual trabalhava fui bem despojada  de barriguinha de fora e jeans e sandalinha ... percebi  que ele gostava quando as pessoas me olhavam ... mas como disse à cima eu não entendia nadinha da vida ... estava deslumbrada com ele ... o encontro foi apenas isso ... muito cavalheiro me levou em casa ... mas não convidei pra conhecer meus pais pois achei que era muito cedo ... continuamos a nos falar por telefone e dias depois ele me convidou para ir a um casamento com ele ... eu perguntei de quem ... me disse de uma amiga ... aceitei ...e ele me pediu para vestir traje a rigor ... me pediu para estar linda como nunca fiquei ... e eu assim fiz ... aluguei um vestido numa loja daqueles cumpridos lindos com renda sex  era vermelho  ... comprei um sapato alto novo ... fiz um penteado lindo deixando os meus cabelos na época bem longos a vista e um batom vermelho de arrasar ... ele gentilmente me pegou em casa e fomos ... ele disse que iríamos apenas na recepção ... eu não estranhei ... e chegando foi que começou uma das maiores decepções da minha vida ... quando entrei no local ... um salão bem simples ... as pessoas vestidas com roupas comum ... e senti meu rosto queimar deve ter ficado da cor do vestido .. ele começou a me apresentar pras pessoas pois a família dele toda estava lá ... todos me olhavam eu tentava ser simpática mas não era correspondida ... fiquei muito desconfortável ... e ele com um sorriso que não cabia na boca parecia estar gostando da situação ... me olhavam e comentavam eu não entendia nada ... mas aquela não era eu ... eu amo me vestir bem ... mas sei o que usar no momento e local certo ... e aquele não era um traje  apropriado ... não estava entendendo nada ... e ele me puchou pela mão e me levou até a noiva que não parava de nos olhar ... e nos apresentou ... desejei felicidades aos noivos ... e senti um clima horrível entre eles  ... me afastei deles puchando ele e já perguntando o que está acontecendo ... tudo estava esquisito ... e ele me disse que a noiva era sua ex namorada ... eu fiquei chocada ... porque ele omitiu isso...  e disse rapidamente que queria ir embora dali ... e já fui saindo do salão com aquelas pessoas toda olhando na minha direção ... entramos no carro e pedi que me levasse pra casa ai disse em seguida pra casa não .... eu estava transtornada e não poderia chegar em casa naquele estado ...  ele perguntou se aceitaria ir a um lugar pra conversarmos ... pois ele precisava me explicar ... eu disse que sim ... e fomos a um hotel ... eu calada até entrar no quarto ... e já entrei dizendo ... EXPLICA ... ele me puchou até o espelho e disse olha pra vc ... vc é linda a mulher mais incrível que conheci ... vc tem poderes que ainda nem conheci .. vc é sex sem querer ser ... sem vulgaridade ... apenas sorrindo ... aquelas palavras me deixaram com muita raiva ... e me sentei em uma poltrona ele na cama e disse novamente ... EXPLICA ... então ele abriu o jogo ... amava aquela ex namorada e queria chegar no casamento dela com alguém ... mas alguém especial ... eu não consegui sentir nada de especial naquilo ... e xinguei ele ... de nomes que nunca tinha falado na minha vida ... chamei ele de louco ... me pediu desculpas ... e eu não me contive e comecei a chorar ... derramei muitas lágrimas naquele dia ... sentada naquela poltrona ... exigindo silêncio para dirigir tudo aquilo ... e cheguei à uma conclusão ... aquela poderia ser pra mim  uma noite ruim que lembraria o resto da vida ... ou uma noite inesquecível que ele nunca esqueceria ... e eu decidi pela segunda opção ... e comecei a pensar como faria isso ... e calada com o rosto ainda molhado olhei bem nos olhos dele ... e decidi com meus pensamentos  que transaria com ele ... mas ele não me tocaria ... olhei para os lados vi toalhas e pensei em amarra lo para que não me tocasse ... e me levantei ... ele mudo ...pedi que abrisse o zíper do meu vestido ... fui e peguei uma toalha ... e ordenei que me desse as mãos ... então amarrei ... virei de costas e comecei a abaixar o vestido bem devagar ... ainda pensando se estava certo o que estava fazendo ... não voltei atrás ... ainda de costas tirei meus sapatos ... dando aquela baixadinha para que visse bem o meu bumbum ... com aquela calcinha bem pequenininha  de renda vermelha ... me virei pra ele ... e ele me disse ... como vc é linda Ca ... eu dei um tapa na boca dele ... e ordenei que ficasse calado ... empurrei ele na cama ... subi na cama ... e fiquei em pé bem no rosto dele ... fui me abaixando aos pouquinhos até esfregar minha bucetinha na cara dele ... quando senti que ele abriu a boca pra sentir o gostinho dela ... me levantei ... e fui ate a altura da cintura dele ... fiquei de costas e comecei a tirar minha calcinha lentamente ... ele estava imóvel ... nem imagino o que se passava na cabeça dele ... mas sentia que estava gostando ... joguei minha calcinha bem na cara dele ... ele tentou pegar e eu imediatamente coloquei o pé nele dizendo que não .... vc vai vai ficar assim .... bem quietinho ... ok? ... ele balançou a cabeça dizendo que sim ... voltei à altura do seu rosto e fui descendo rebolando agora sem a calcinha ... ele foi levantando a cabeça tentando se aproximar para sentir meu gostinho mas não permiti ... levantei rápido ... rs ... desci da cama e fui até sua calça abri o zíper fui descendo ela e notei que seu pau estava muito duro e molhado que até aparecia na sua cueca ... aquela marquinha ... desci a calça e a cueca e o pau dele estava babadinho ... mas não toquei ...peguei uma camisinha na minha bolsa e  subi novamente na cama sentei em suas pernas e coloquei a camisinha nele com a minha boquinha ... engolindo o pau dele e olhando pra ele com uma carinha de safada ... mas não o chupei ... sentia ele estremecer ... esperando o próximo passo ... daquilo tudo... então fiquei em pé e fui descendo sem pressa  ...até chegar no pau dele ... mas não sentei ... levantei novamente ... e ele sussurrou bem baixinho ... senta ... eu disse:  xiuu ... desci novamente segurei o pau dele com a mão e deixei entrar só a cabecinha e fiquei rebolando ... ele gemeu ... e pegando ele de surpresa ... sentei deixando o pau dele entrar todinho na minha bucetinha ... eu estava excitada e com raiva ... um sentimento mútuo ... mas de uma coisa eu tinha certeza seria bom ... ele gemia ... eu me segurava pra não gemer tbm ... queria estar em silêncio ... ele me pediu pra tocar em meus seios e eu disse que não ...  ele não iria me tocar ... apenas sentir ... e olhar ... subi e desci muito no pau dele ... então virei de costas ... pra que ele visse meu bumbum  empinadinho e o pau dele entrando na minha bucetinha ... os meus cabelos balançando ... eu sabia que ele gostava dos meus cabelos ... então queria que ele registrasse bem aquele momento na memória dele ...ele gemia muito ... me implorava pra eu deixar ele me tocar ... e  a essa altura eu nem respondia mais ... ele me disse que não estava mais aguentando  segurar então ordenei que ele gozasse ... mas que teria que gritar meu nome ... bem alto ... e ele foi bem obediente ... enquanto jorrava sua porra ... gritou CAAAAAAAA ... e disse em seguida mas bem baixinho ... quero vc pra mim ... eu me levantei coloquei meu vestido levantando o zíper ate onde consegui .. ele se sentou na cama ...  eu coloquei meu sapato a calcinha na bolsa ... e me aproximei dele ... olhei nos olhos dele ... e ele mais uma vez me pediu desculpas ... e eu calada ... e ele me pediu que eu dissesse alguma coisa ... então ... peguei suas mãos comecei a tirar o nó da toalha e disse a ele ... vc tem o seu feeling bem aguçado .. (pressentimento) ... eu não preciso dizer nada ... levantei virei as costas sai daquele quarto ... fui até a recepção paguei a estadia ... eu tinha visto um ponto de táxi em frente e fui até lá ... quando entrei no carro vi ele saindo do hotel olhando para os lados me procurando ... cheguei em casa ... fui tomar banho e chorei muito ... ele me ligava sem parar e eu não atendi ... quando sai do banho já estava bem melhor ... ele me mandou flores a semana inteira ... dei todas pra uma colega de trabalho ... que ficou muito feliz ... então pedi pra entregarem um bilhete a ele que dizia apenas ... não me procure ... ele ainda tentou algumas ligações mas troquei meu número em seguida ... e passando 7 anos depois cruzei com ele no aeroporto novamente ainda trabalhando para o mesmo cliente ... ele me convidou para tomar um café e aceitei pois estava muito curiosa ... e ele me disse  que a sua ex namorada se separou uns meses depois do casamento ... mas eles não ficaram juntos ... embora ela quisesse ... ela e a família dela  eram vizinhos dele então ele acompanhou tudo de perto ... ele ainda está sozinho até hj ... ele me pediu pra sairmos um dia pra conversar e eu imediatamente disse que não ... fiz questão de pagar o café dele ... me despedi e ele me deu um cartão que guardei na minha gaveta de trabalho ... não sei até quando ele vai ficar lá ... só sei que o dia que poderia ter sido um dos piores da minha vida ... eu dei a volta por cima e foi inesquecível ... não pra mim mas pra ele ... ele foi otário ... com sentimentos alheios não se brinca ... eu acho que ele não pensou que eu estava tão apaixonada ... se enganou ... pois eu estava ... mas ele ainda estava preso à alguém do passado dele ... e foi capaz até de usar alguém pra tentar atingir ela ... pura bobagem ...
Bjux à todos ...

A AMIGA DA MINHA MÃE

Oi gente este conto é um relato de um amigo querido ... Ricardo carvalho  ... espero que gostem ... desde já bjux a todos ... obgd 


O fato que vou narrar aconteceu quando eu tinha apenas 16 anos. Eu já era bem grande pra idade sou negro na época tinha 1,80 corpo forte devido a prática do remo. E minha mãe tinha uma vizinha e amiga que vivia lá em casa vamos chama_la de Lúcia mulher com um pouco mais de 40 anos... Morena cabelos pretos curvas avantajadas e seios grandes. ...

Já havia perdido a conta de quantas vezes prestei homenagens a ela nas minhas punhetas rotineiras e os jatos de gozo eram bem mais fortes ao lembrar do seu corpo moreno e seu jeito diferente e safado de me olhar.

Além de amiga da minha mãe ele vendia roupas e um belo dia ao chegar do remo estavam as duas conversando na varanda de casa Lucia disse a milha mãe que estava vendendo sungão de praia e me perguntou se eu tinha interesse, e aquele olhar maroto revelou um interesse diferente na oferta do produto. .. Eu disse que queria sim um sungão branco e ela disse que iria buscar pra eu ver. ... Enquanto eu fui tomar banho Lúcia foi em casa buscar o sungão. ... Assim que ela chegou. Me chamou para experimentar e eu cheio de vergonha por causa da minha mãe disse que não precisava experimentar, porém ela insistiu parar que eu vestisse a sunga e mostrasse a ela e a minha mãe como ficou ...  Vesti a sunga meio envergonhado pois a sunga branca revelava o volume do meu membro que mesmo estando mole dava um volume bem perceptível devido ao tamanho e principalmente grossura. ..Mas fui até elas pra que pudessem conferir minha mãe aprovou e Lúcia com um sorriso e aquele olhar safado disse que estava lindo, porém pude perceber que ela não tirava os olhos do volume do meu cacete sob a Lycra branca.

... Fiquei com aquele olhar fitando minha rola na mente por dias e isso a deixava dura e toda melada.

Alguns dias depois minha mãe estava trabalhando e Lúcia foi até minha casa a princípio chamou por minha mãe mas eu atendi estava um calor dos infernos, eu estava apenas com um short de futebol bem folgado e sem sunga camisa nem pensar, fui até ela e percebi seu olhar novamente procurando o volume no meio das minhas pernas e como minha mãe não estava por perto meu pau deu uma discreta endurecida que foi o bastante pra ser facilmente notado porém era aquilo mesmo que eu queria...

Então ao atender Lúcia me pediu ajuda pra trocar o gás de cozinha em sua casa foi então que percebi que o caminhão do seu marido não estava em casa e tive a certeza que ele havia saído. Disse que só iria colocar uma camiseta e já iria lá trocar o gás pra ela. ... Pois bem vesti a camiseta e chamei a  na porta de casa uma quente tarde de verão plena terça feira rua deserta e ela do fundo do quintal disse pra eu entrar e passar o cadeado no portão que estava só encostado, aquilo já foi me deixando exitado nem eu mesmo sei por que acho que o pressentimento do que iria acontecer.

Ao chegar na cozinha Lúcia disse que ia ao quarto me pediu pra aguardar, uns 3 minutos que pareciam uma eternidade, quando voltou estava com um roupão preto de um tecido fino onde dava pra perceber que ela estava usando apenas o roupão e calcinha. Seus seios com os biquínhos durinhos me deixaram maluco e não consegui segurar o meu tesão e o volume  se formou sob o short de futebol.

Ela me mostrou onde estava o botijao de gas e se sentou de frente pra mim enquanto eu trocava olhei suas coxas e ao perceber meu olhar abriu levemente as pernas deixando a mostra a calcinha preta que fez meu caralho pulsar e ficar todo babado de tesão e vontade de foder aquela buceta.

Troquei a botijao e quando me levantei Lúcia já não disfarçava o olhar sacana pro volume da minha piroca então naquele momento de silêncio e ela já com as pernas bem mais abertas ela me olhou nos olhos sentada na cadeira de frente pra mim e me perguntou,: posso ver ele? ...  Nesse momento eu já estava suando de calor e nervosismo sem pensar perguntei ver o que? ...  E ela com sua mão macia alizou minha rola por cima da bermuda, na época eu ainda não tinha tido uma experiência sexual com uma mulher de verdade. Minhas experiências eram apenas com as namoradinhas nos muros até goza  sempre nas coxas e nas punheta a cheias de medo e tesão tocadas pela colegas da mesma idade.

Então fiz um sinal positivo com a cabeça e Lúcia foi baixando o short ...  Até que meu caralho que já estáva super duro saltou de dentro do tecido, minha coroa segurou firme encheu a mão e disse menino a tempo que percebo o tamanho dele mas não imaginava o quanto é gostoso grande grosso e cheio de veias do jeito que eu gosto. E ficou tocando de leve colocando a cabeça bem exposta. Já estava pingando mel daquela cabeça brilhante pelo sol que vinha da janela. Então Lúcia disse : eu adoro esse mel tenho que provar esse vai ser nosso segredo. Estranhamente antes de cair de boca na rola melada ela me cheirou o saco a virilha a pica como uma cachorra no cio cheira seu macho.

Então apertou a rola até ver a gota do mel escorrer e passou a língua saboreando bem devagar língua quente deliciosa eu já estáva quase gozando e ela caiu de boca mamando o cacete e tocando a buceta com os dedos...

Como um adolescente comum e com os hormônios fervendo, ao sentir a boca quente de Lúcia sugando meu cacete com tanto tesão, veio logo a vontade de gozar meio sem jeito segurei a cabeça de Lúcia e ela percebeu que eu estava prestes a jorrar, aumentando o ritmo da mamada com se ordenhando  a rola dura a espera de leite...  Quando percebeu meus gemidos e meu caralho pulsar em sua boquinha gulosa tirou da boca e me olhando nos olhos disse que queria me ver Esporrar usando exatamente essas palavras esporrar nos meus seios me dá tua porra... Eu já quase explodindo gozei como nunca havia gozado ... Meu caralho pulsava e jorrava porra em fartura lambuzei seus seios como ela queria e onde  direcionou a minha pica cheia de veias depois de receber os primeiros jatos de leite na boca e no queixo.

Ao ver que estava toda lambuzada com minha porra Lúcia me chamou pra tomar um banho antes de sair de sua casa. Me deu a mão e me levou ao banheiro deixando o roupão caido no chão atrás dela pude perceber o tamanho de sua bunda com a calcinha toda enfiada entre ela.... Chegamos ao banheiro e ela tirou a calcinha minúscula deixando a mostra sua buceta ... Pelos bem aparados porém raspadinha na parte de baixo ... Entramos em baixo da água morna e Lúcia veio com o sabonete líquido no corpo foi só ela encostar em mim e meu pau deu sinal novamente ela o segurou e encaixou a pica entre sua bunda rosando e rebolando nele que ficou super duro novamente. ... Ao sentir minha pica dura novamente Lúcia exclamou : Por isso que eu adoro homens novos o tesão é sem fim e me puxou pra fora do banheiro me levando até a sala me colocou sentado no sofá e na sala se ajoelhou entre as minhas pernas cravando as unhas na minha coxas contemplou meu pau e novamente começou a lamber cheirou e mamou a piroca ainda molhada cheirando a sabonete.

Porra que boca que chupada!!!

E então se levantou em minha frente e conduziu minha cabeça até sua buceta me pedindo pra chupar e eu sem nenhuma vergonha cai de boca ... Chupei lambi e ela apertou minha cabeça contra sua xota que estava muito melada me pedindo mama meu grelo seu puto. ... E como um bom menino eu obedeci ... chupei e lámbi e Lúcia rebolava na minha boca gemendo e me chamando de puto cachorro safado ... Já quase gozando na minha boca Lúcia disse que queria gozar no meu caralho e  se sentou sobre mim ajeitando o pau na entrada da buceta. ... Sentou e como estava super molhada engoliu a rola grossa e dura escorregando gostoso. ... Rebolando a princípio bem devagar me beijando na boca....  Meu pau estava duro como nunca e o tesão aumentava cada vez mais, e Lúcia já não rebolava e sim cavalgava na rola guiando minha mão até sua bunda e pedindo pra eu bater e a chamar de puta. Vadia cachorra pedindo aos palavrões me xinga seu puto cachorro xinga sua Vadia vai xinga e bate nessa bunda que vou gozar na tua rola nego. ... Aquilo foi me deixando maluco e ela estremeceu gozando a ponto de sentir meu saco ficar todo melado com seu néctar pude sentir que ela estava gozando e ficou parada sentindo toda a intensidade da gozada com meu caralho duro pulsando dentro dela...  sentir a plenitude daquele orgasmo foi delicioso...  porem a minha falta de experiencia me fez queres continuar estocando a pica. ... então lucia pediu um tempinho gemendo e suando e foi a te a cozinha beber um pouco de água ao voltar ela se colocou no outro sofa que ficava a minha frente e se ficou tocando a xoxota e me olhando ... meu pau ja estava a ponto de gozar denovo e eu fiquei de pé atraz dela e comecei a comer aquela boceta por traz como um cachorro no cio ...  lucia me pedia tapas na bunda e me mandava meter sem do não demorou muito e eu disse estar perto de gozar ... então  ela saiu da posição e me disse segura que eu não quero seu gozo agora ... me colocou sentado novamente deu mais uma chupada e agora começou a cavalgar de costas pra mim pude ver a marquinha da calcinha e meu caralho entrando e saido daquela buceta gulosa seu cusinho piscava de tesaão a cada rebolada e eu segurando sua bunda maliciosamente deixei meu dedo polegar na entrada do cusinho  ... lucia sentiu a malicia e curiosidade de minha parte e perguntou tu gosta de cusinho ....  é gosta do meu cusinho  ... então coloca o dedinho nele mas devagar então fui introduzindo meu dedo em seu cu enquanto ela rebolava na minha vara apertava seus seios e sentava louca  ... suada como uma verdadeira puta e não aquela senhora de respeito que eu conhecia....  eu ja não estava mais aguntando e disse que iria esporrar novamante então lucia me pediu pra esperar e se deitou de pernas abertas me pedindo pra colocar nela meti o cacete na xana ensopada da minha femea sedenta e como um louco e inexperiente fodia rapido ansioso pra gozar muita rapido e lucia gemendo muito disse estar gozando aquilo me deu um start e eu disse que tbm iria gozar  com um pedido inusitado minha puta diz em meu ouvido gemendo e gozando enche minha buceta com sua porra menino. ... senti meu corpo todo estremecer a pele arrepiar e a piroca pulsar jorrando novamente meu leite  no fundo da gruta melada de lucia .... que em um suspiro beijou minha boca sentindo minha porra jorrando dentro da buceta ....foi uma das sensações mais deliciosa que eu ja havia sentido na vida ... gozar juntos beijando na boca com os corpos suados e saciados de prazer. ... nos levantamos voltamos ao banheiro e ficamos ali na putaria embaixo do chuveiro ... mais chupadas  ... ela em mim eu nela e o caralho duro entrou em ação agora no chuveiro de pé. ... ela de frete pra mim coma perna levantada tomando rola e beijando minha boca ... depois de costas comigo socando na sua buceta pé contemplando seu rabo até gozar ...  e dai mais um pedido inusitado agora debaixo da agua morna ... quando for gozar me avisa ...  ansioso pela surpresa soquei mais forte louco pra esporrar denovo e quando eu disse que ia gozar lucia se ajoelhou e me mando jorra minha porra em sua boca. ... gozei gostoso sentindo sua boca sugar cada gota da minha porra ... saimos da banheiro e ela me mandou ir pra casa e guardar segredo .. fui com ela em minha mente ... e assim fiquei com o segredo guardado o que me rendeu outras fodas deliciosas com ela...  por quase um ano... enquanto meus amigos contavam vantagem em estar sarrando as namoradinhas no muro e sugando seus peitinhos. ... eu fodia aquela delicia de mulher que me ensinou o que é ser um homem de verdade e foder gostoso uma mulher. ... oh saudade.


PEGAÇÃO NA GARAGEM



Olá gente muitas saudades ... queria eu ter mais tempo pra estar me dedicando ao blog ... mas enfim .. eu estava devendo este conto para  uma pessoa..  quando ler vai saber ... procurei nos meus arquivos e encontrei ...  espero que gostem ...
Quando eu era adolescente época da escola ainda ... eu não era aquela menina que chamava a atenção dos meninos ... eu andava de skite ... usava boné ... e odiava maquiagens ... enquanto minhas amigas estavam curtindo essas coisas eu não estava nem ai ... na escola  entrou  um aluno novo na sala que veio de outro horário ...  vou chama lo de Ted ... ele era um menino muito bonito ... eu me encantei por ele ... mas não tinha idéia o que estava sentindo . kkkk .... eu não sabia nem dizer um oi pra ele ... até que um dia fizemos um grupo para fazer um trabalho escolar ... e marcamos em minha casa ... naquela tarde eu pela primeira vez na minha vidinha ... não estava nem ai pros estudos e só olhava pra ele ... prestando atenção nos detalhes ... nos movimentos ... pois sou muito observadora ... quando terminamos todos começaram à ir embora e ele ficou por último ... me deu xau tbm ... e sua boquinha encostou bem de leve  no canto da minha boca ... eu gostei dei um sorriso do tamanho do mundo pra ele ... e no outro dia na aula ... foi só olhares ... kkkk .... só no flerte ... que delicia né gente ... ele me acompanhou até em casa  com um pouco de pressa pois tinha que ir pra oficina do pai dele trabalhar ... por isso a mudança de horário na escola ... o pai dele trabalhava em uma montadora de carros tbm e ele cuidava da oficina ... um menino diferente perto dos outros meninos da idade dele ..  e ficamos assim se vendo na escola ... ele me trazendo em casa .. ate que um dia minha mãe começou a me vigiar e em seguida contou pro meu pai ... a casa caiu ... me pediu pra trazer ele em casa pra eles conversarem ... ai aquela história ... suas intençõess e tals rs  ... e ele me pediu pra namorar e ficamos nos vendo todos os dias á noite em minha casa ... aquele namoro de sala com os pais ... quando eu ia abrir o portão pra ele ... dávamos uns beijinhos mas meio que de longe sabem .. kkkkk  nada de pegação ... até que  com o passar dos dias foram se intensificando ... até que um dia ... fui abrir o portão pra ele e começamos nos beijar ... e ele começou cada vez mais chegar perto e foi subindo a mão por cima da minha blusinha mesmo ... até chegar nos meus seios ... eu me assustei ... foi diferente nunca tinha sido tocada ... e tirei a mão dele imediatamete e disse xau ... corri para o  meu quarto deitei na cama e fiquei pensando no momento e percebi que gostei  ... no outro dia na aula fiquei olhando ele e pela primeira vez estava sendo atraída por alguém ... eu olhava os detalhes da boca dele  e pensava como era bom beijar ela ... e naquela noite fiz uma coisa ... não usei sutian  apenas a blusinha e queria muito ... muito mesmo sentir de novo o toque dele .. mas agora sentiria melhor as mão dele ...na saída dele ... fui abrir o portão  kkk ... e começou os beijinhos .. e eu fui chegando perto ... mais perto ... ate que estávamos grudados um no outro ... ele deve ter sentido que estava  só com  blusinha ... nos beijávamos e ele puchou minha cintura  pra ele e senti algo ... era o seu pau que estava muito duro e eu estava coladinha nele ... eu gostei ... nos beijamos tão gostoso ... e ele foi subindo  a mãozinha meio receioso ... mas foi indo bem devagarinho ... e chegou no meu seio ... com o biquinho durinho ... adolescente exala tesão né gente kkkk e ele me tocou e como gostei  quando ele viu que permite veio com a outra mão e colocou no outro ... e nós nos beijamos loucamente ... num tesão ... louco ... então ele pegou minha mão e desceu ela ate o pau dele ... eu nunca tinha sentindo um pau ... coloquei a mão meia sem jeito ... devagar ... e como estava duro ... minha mente viajava ... queria mais daquilo que nem sabia direito o que era ... o desejo estava tão incontrolável ... que ele se despediu de mim foi embora e eu fui pro meu quarto sonhar com tudo aquilo estava sentindo ...  no outro dia  a mesma coisa na saída dele  ... começamos a nos beijar mas ele estava mais ousado  e começou a passar a mão na minha bucetinha por cima do meu shorts ... eu gostei muito ... então no outro dia coloquei uma sainha  ... e na hr da saída dele ... começamos a pegação e ele já foi direto com a mãozinha nela ele me beijava como poucas vezes fui beijada ... uma loucura ele começou acariciando ela ... e estava tão molhadinha que eu sentia algo quente  escorrer pela minhas pernas  ... eu fui abrindo as pernas e ele foi chegando cada vez mais nela ... e foi enfiando o dedinho bem devagar sem pressa ... nossa eu vi estrelas ... aquilo era muto bom kkkkkk .... uma delicia aquele menino ... ele gemia no meu ouvidinho um CA tão gostoso ... e eu fazia o mesmo no dele ... ainnn Ted ... bem baixinho ... sussurrando ...  estávamos pra explodir ... ele foi embora ... ele deve ter batido uma punheta bem gostosa quando chegou em casa ... posso apostar ... Tinha chegado as férias  e ele foi pro interior com a família pra casa da vó ... e foram longos dias de saudades dele ... até o dia que ele voltou ... correu em casa pra me ver ... a casa estava cheia era fim de semana ... e não consegui da nem um beijo nele .. enfim ... acabou aquele fim de semana e ele veio me ver a noite ... e eu não via hora ... estava morrendo de saudades dele .. uma vontade de ficar sozinha com ele ..  como eu queria ... ficamos ali com meus pais ... e eles foram dormir pediu pra ele não demorar pra ir embora ... e quando eles viraram as costas me atirei no sofá que ele estava e dei um  beijo bem demorado e gostoso ele ... quando meu pai gritou do quarto que estava na hr dele ir embora kkkk ... então fomos como sempre nos despedir na garagem ... e começamos a nos beijar e se  tocar ... ele me empurrou  contra a parede e me apertava ... parecia que tinha umas dez mãos me tocava toda ... e quando eu menos esperava  abriu o zíper da bermuda e colocou seu pau pra fora ... eu não sabia o que fazer ... ele pegou minha mão e colocou nele ... como era bom sentir aquilo ... tão duro ... eu fui passando a mão e conhecendo ... fui chegando na cabecinha e senti toda babadinha ... ele gemia bem baixinho .... veio no meu ouvidinho e me pediu pra gozar ... eu disse não kkk ... e ele insistiu ... eu tirei a mão do pau dele ... e  ele me implorou pra não parar ... eu estava curiosa queria muito que ele gozasse ... e tirei minha calcinha e ele ficou com a boca aberta e dei pra ele cheirar e pedi goza aqui ... kkkkkkk  ele tomou minha calcinha das minhas mãos cheirou ... e disse .. que deliciaaa ... kkkk e continuou a  me beijar ... tinha que ser tudo muito rápido ... acariciei seu pau ... e não precisou muito pra que ele gozasse na minha calcinha ... ele estava explodindo de tanto tesão .... jorrou a porra dele todinha nela e eu fechei ela na minha mão  e ele foi embora ... corri para o meu quarto em êxtase ... abri a mão olhei a calcinha ... e estava toda sujinha com a porra dele  ... como sou mais que curiosa ... cheirei .. e em seguida passei o dedinho e provei ... eu queria muito sentir o gostinho pra saber se um dia teria coragem de engolir como já tinha visto nos filmes ... e gostei ...   e nos próximos dias ficamos com medo de sermos pegos pois nos arriscamos demais kkkk e ficamos comportadinhos ... kkkkk se passaram uns dez dias e ele chegou com a noticia que seu pai estava indo pra Alemanha à trabalho com toda família ... fiquei arrasada ....não tive tempo nem de  ter a minha primeira vez com ele ... pois era com ele que tinha que ser ... ele veio com aquela conversa me espera ... eu já disse ... vive sua vida ... seja feliz ... e dei uma braço bem caloroso nele ... foi a última vez que o vi .. em poucos dias estavam viajando ... e eu segui minha vida ... e aquele namoro de adolescente ficou na memória ... creio que na dele tbm ...

Bjux a todos ...


BY MORENO DO CANTINHO & K@RIN@. Tecnologia do Blogger.